Poema para uma mulher bonita num dia frio

Mulher bonita

Lembram uma marcha de Lisboa

Os teus olhos cor de pólvora

a olhar-me fixamente

[surpresa]

Querem dizer

que os meus lábios são romãs

[vacilo]

Num barco negro navegam

Meus dedos nos teus cabelos

Proa em estrela

Cinco pontas

[desejo]

É um naufrágio anunciado

este poema novo?

Um portulano esquecido

é sempre um mar sem fim?

[…]­­

O Quinto Império?

 

 

 

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.