Dança

Acordei agora do meu sonho princesa bailarina. Sinto a falta do contorno quente do teu corpo no meu. Tenho gravada a textura da tua pele na memória da minha. Na tua ausência tenho tocado essa gravação vezes sem conta, como os adolescentes do nosso tempo, a fazer rewinds infinitos em cassetes de fita magnética onde guardávamos […]

Lolita

Hás-de sempre ser longe Ubasti distante sem vértice Esquadro vago raso ângulo Hás-de ser Ailuro que chegue e mate todas as memórias nas esquinas de Mykonos Hás-de ser minha e prematura E eu o  guizo que acompanha essa prisão que não  toleras Hás de ser só gato  e eu só Anubis e  sem saberes o som da liberdade

Suave milagre

Poucas coisas haverá mais impressionantes do que ver um milagre acontecer. Mas, claro, não falo de um desses milagres canónicos, apostólicos e certificados por congregações romanas da fé, ou de uma façanha qualquer de um santo de calendário. Nem de água que se transforme em vinho, ou de outra qualquer metáfora com que as religiões […]

And through we went

OUVIR Encontrou-a caída no chão exatamente no mesmo lugar onde, longe dali, ela percebeu que lhe faltava. Também foi assim quando que se encontraram pela primeira vez. Sabendo tudo um do outro. Desconhecendo quem eram. Por algum mistério conseguiam os dois ver a mesma coisa quando estavam longe um do outro. Como se habitassem o […]

Berenice

Esta noite fui ao teatro. Estava o palco vazio e dei comigo a pensar que podia ser eu a estar ali em cima, à frente de todos. Outro homem em cima de um palco a pensar. Mas, e que pensaria? Enquanto o Gregório Duvivier desfilava preces de homem sem saber o que pensar, angustiado na […]

O mês que também foi meu

O Livro de Areia  disputa com a Biblioteca de Babel a impaciência matemática deste texto. Mas afinal quantas palavras cabem entre o princípio e o fim? É realmente infinito o seu número? Ou é apenas por isso que é numerável, mesmo que não se possa dizer. Esta questão prende-se exatamente com o dia de hoje. […]

Urgência 

Não és um barco no mar. És o mar ao largo deste sonho dentro de Vénus alinhado de estrelas Mar de amor brilhante, Marte Ferrete dos deuses e oráculo Altar apócrifo Senáculo Não és um barco no mar És o poiso lento dos navegantes A fobia clara do minuto que passa do segundo lento do […]

Não me importa a verdade

Não me importa a verdade. Nem me interessa o tempo que passa, nem o tic-tac-tic dos relógios, nem a primeira página, nem todo o passado, nem o futuro. Nem o mais que há-de vir. Porque não temos conversas de obrigação, diálogos surdos, melancolias sem espírito; de quem não vê para lá do horizonte. Não me cativam: o texto […]

Tempo

Quero ver-te aqui  A sorrir de frescura  Como o ar da manhã  Quando te encontro Sonho mais alto Respiro melhor E os dias brilham mais  É neste lugar aqui Flores sem nome  Ondeiam ao vento  Quando lá chego Inspiro e expiro  Inundas-me E as horas sossegam Estás sempre aqui Contas  histórias  Era uma vez dizes […]