Amor

Amor

Amor

Como a luz que entra pela vidraça, às vezes luminosa e clara, outras difusa e lenta, o teu amor me trespassa e me fascina. Por do sol que se demora, que cresce e que fermenta. Fé em Deus, câmara clara, força leve e santa. E a nossa vida segue, flui em fogo e sobressalto, sossega Continue reading Amor

Dança

Dança

Acordei agora do meu sonho princesa bailarina. Sinto a falta do contorno quente do teu corpo no meu. Tenho gravada a textura da tua pele na memória da minha. Na tua ausência tenho tocado essa gravação vezes sem conta, como os adolescentes do nosso tempo, a fazer rewinds infinitos em cassetes de fita magnética onde guardávamos Continue reading Dança